“Absurde”: Rede Globo quer fazer novela com linguagem neutra: “Todes, elu e ile por achar que palavras normais podem ser homofóbicas”

A linguagem neutra tem tomado conta da “turma da lactação”. Agora, a TV Globo, satisfeita em ver esse tipo de linguagem em outros veículos, resolveu incluir em uma novela, agora reexibida.

“Olha aqui, vocês são amigues dele?”, pergunta a atriz Elizabeth Savalla a um grupo de drag queens que convivem com Marcos Caruso na novela “Pega Pega”, de 2017, reexibida agora pela TV Globo.

A intenção é tentar normalizar os pronomes neutros, como “ile” e “dile” ou “elu” e “delu”, principalmente.

Da mesma forma que “Pega Pega”, seriados, documentários e livros já adotam a variação linguística, mas já sabemos: quem lacra, não lucra. Terra Brasil