Constantino faz alerta sobre internação de Bolsonaro e pede “exame toxicológico para descartar envenenamento”

O jornalista Rodrigo Constantino resolveu se manifestar sobre a situação que o presidente Jair Bolsonaro vem enfrentando em razão de um problema de saúde.

Bolsonaro foi internado em Brasília, após sentir fortes dores abdominais e acabou sendo transferido para São Paulo para avaliação da necessidade de uma cirurgia de emergência, que acabou sendo descartada.

“A probabilidade é de Bolsonaro ter tido dores decorrentes das cirurgias por conta da facada do simpatizante do PSOL”, escreveu Constantino.

E aproveitou para fazer um alerta ao presidente, preocupado com sua segurança:

“Mas eu faria um exame toxicológico se fosse o presidente, para descartar envenenamento. De defensores de Cuba tudo é possível. Bolsonaro deve redobrar os cuidados.”

Com tudo o que já aconteceu, nada pode ser descartado… jornal da cidade