Covid: Com mais UTIs disponíveis que ocupadas, RN chega à menor taxa de ocupação de leitos em 2021


Leitos de UTI Covid-19 no Seridó e Oeste do Rio Grande do Norte, RN, leito crítico — Foto: Divulgação/Sesap

Com taxa de ocupação de 42,8%, o Rio Grande do Norte começou a semana com 192 leitos de UTI para Covid-19 disponíveis, segundo dados do sistema Regula RN, atualizados por volta das 8h30 desta segunda-feira (26).

O estado terminou o domingo com taxa de ocupação de 44,25% e média móvel de 47,8% – considerando os números dos últimos 7 dias. Tanto a taxa diária como a média são as menores registrados em todo o ano de 2021.

A última vez que o estado tinha chegado a índices tão baixos foi em novembro de 2020, de acordo com o sistema.

taxa-de-ocupao-dos-leito-2- Covid: Com mais UTIs disponíveis que ocupadas, RN chega à menor taxa de ocupação de leitos em 2021

Taxa de ocupação por volta das 8h30 desta segunda-feira (26) no RN — Foto: Regula RN

A taxa ficou mais baixa mesmo com a “reversão” de parte dos leitos em leitos gerais, para atendimentos de outras doenças. O estado chegou a ter 406 leitos de Covid operacionais em maio, quando ainda registrava filas de espera por UTIs. Neste domingo eram 339 – 67 a menos.

Na manhã desta segunda (26) estado tinha 145 leitos ocupados e outros 15 bloqueados, segundo as informações oficiais do sistema utilizado na administração dos leitos.

A região Oeste era a que tinha a menor ocupação, com apenas 30% dos leitos ocupados. A região metropolitana de Natal tinha ocupação também abaixo dos 50%, com 47,4% de ocupação. Já no Seridó, a taxa era de 55,6%.

srie-histrica-da-taxa-de-1- Covid: Com mais UTIs disponíveis que ocupadas, RN chega à menor taxa de ocupação de leitos em 2021

Taxa de ocupação é a mais baixa registrada no ano — Foto: Regula RN

O governo do estado atribui a redução da ocupação à vacinação da população. O estado, que tem 3,5 milhões de habitantes, já registrou mais de 2 milhões de doses aplicadas. Mais de 500 mil potiguares já tomaram as duas doses e são considerados imunizados.

Por causa da redução da taxa de ocupação e dos demais índices da pandemia, o estado marcou a volta às aulas presenciais na rede pública estadual para esta segunda-feira (26) e autorizou a retomada gradual de eventos.g1