Deslizamento de pedra em SC mata alpinista e deixa outro preso

Um alpinista morreu e outro ficou preso a uma altura de 200 metros na manhã de domingo (11), após uma pedra deslizar do Cânion Espraiado, em Urubici, na Serra de Santa Catarina. O socorro demorou seis horas e foi feito por policiais militares com a ajuda do helicóptero Águia.

O empresário Lucas de Zorzi, de 39 anos, foi atingido na cabeça, ficou inconsciente e morreu durante o percurso que fazia de rapel. Com o acidente, o homem que estava com ele não conseguiu se mover do paredão e também precisou ser resgatado. Ele sofreu hematomas leves.

Segundo relato do sobrevivente, a pedra deslizou no momento em que ele e Lucas subiam o cânion, por volta das 10h. Após o acidente, o homem conseguiu área no celular e chamou por ajuda