Segunda maior termelétrica a gás do Brasil é inaugurada no RJ

Ministro de Minas e Energia disse que o empreendimento privado contribuirá para a segurança energética do país

A empresa Gás Natural Açu (GNA) inaugurou nesta quinta-feira, 30, a segunda maior usina termelétrica a gás natural do Brasil, em São João da Barra, no Rio de Janeiro. Foram investidos no projeto R$ 5 bilhões, que resultaram na geração de 12 mil empregos.

Presente ao evento, o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, destacou que o empreendimento contribuirá para a segurança energética do país: “É essencial nesse momento, para que o país possa superar a maior escassez hídrica de sua história”.

A GNA 1 tem 1.338 megawatts (MW) de capacidade instalada, suficiente para fornecer energia a 6 milhões de residências, e vai contribuir para o Sistema Interligado Nacional, disse Bernardo Perseke, diretor-presidente da empresa.

Durante a solenidade, Perseke anunciou o início das obras da UTE GNA 2, com 1.700 MW de capacidade instalada. Juntas, as duas usinas terão 3.000 MW, o que permitirá atender ao consumo residencial dos Estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo.

Segundo o diretor-presidente da GNA, esse será o maior complexo de gás e energia da América Latina.

Com informações da Agência Brasil