Sem Computador em Casa, Estudante Mossoroense Cria Pesquisa Que Poderá Evitar Morte de Pacientes Por Covid-19.

Natural de Mossoró RN Paulo Paiva tem 25 Anos é acadêmico de Biomedicina e ha anos vem atraindo olhares de cientistas e pesquisadores nacionais e internacionais. Com suas pesquisas o Jovem, filho de uma Vendedora de tapioca e de um entregador de água Mineral, já Virou Manchete de Jornais nos Estados Unidos e em Portugal nos anos de 2014 e 2015  quando desenvolveu uma plataforma que auxiliava crianças com câncer a aprender.

Porém, são as recentes descobertas de Paulo que estão causando revolução no meio científico. A pesquisa que vem sendo realizada por Paulo Paiva demostra de forma concreta que não existe reinfeccão por Covid 19.

 

Os pacientes que testaram positivo e foram supostamente curados, ao testarem negativos, segundo Paulo, apresentaram resultados com Cargas Virais Indetectáveis para os Atuais Exames e com isso há um falso negativo. O paciente ainda está com vírus porém com carga viral baixa, resultado podendo ser causado inclusive por causa dos Remédios. Dias após a alta Hospitalar e o sistema imunológico não corresponder, o vírus poderá se multiplicar e o exame voltar a afirmar positivo e consequentemente o Paciente voltar a sentir os sintomas.
Algo bastante relevante proposto por Paulo, foi que não existe nenhuma Pesquisa que comprove que pacientes que são considerados reinfectados, possuam cepas diferentes da doença ou seja, eles não são reinfectados e sim possuem o mesmo vírus agora com carga viral mais forte. “se minha avó fosse viva, iria dizer: Isso é uma Covid Mau Curada”. Os pontos de vista que Paulo apresenta são importantes pois os resultados dos exames de covid não são fatores primordiais nas altas Hospitalares, porém influenciam pois esclarece aos médicos que a carga viral está baixa e que o período de transmissão está diminuindo.

Paulo informa que os casos de covid poderão  aumentar caso o SUS não altere seu manejo de alta hospitalar tendo em vista que não existe, até então, nenhum tipo de ação afirmativa pós Covid ou seja, o paciente que já foi infectado não corresponde a nenhum protocolo exato de bateria de exames mensal e nem por período de tempo exato.
Os pontos apresentados pelo jovem vem ganhando força nas redes sociais. O jovem cientista pede que hajam debates sobre, como as Secretárias de Saúde deverão agir a partir de agora.
Em redes sociais Paulo já solicita audiências e apoios de vereadores e Deputados além da formação de um comitê de ação pós covid contando com a presença da Governadora Fátima Bezerra, do prefeito Alyson Bezerra e do secretário estadual de Saúde Cipriano Maia.

A pesquisa de Paulo Paiva chama atenção inclusive do Pesquisador da Fiocruz no Ceará, Dr. Odorico Monteiro @odoricomonteiro. O estudante solicitou audiência ao departamento de biotecnologia da Ufersa e ja conta com apoio de servidores daquela instituição.
Paulo Paiva propõe uma audiência e debates cienticos para que haja um estudo aprofundado sobre as ações Pós Covid via SUS que possam acompanhar pessoas que já foram acometidas pelo virus.

Aqui está um pouco das conquistas de Paulo Paiva no meio ciêntifico:

-Honra ao Mérito em Educação Câmara de Mossoró
-Honra ao Mérito em educação Governo do RN
-Medalha Dr . Duarte Filho Câmara Municipal de Mossoró
-Menção Honrosa Câmara Municipal de Mossoró

Palestrou no Campus Party Brazil
Palestrou duas vezes na London Internacional Iouth Science Fórum Londres Inglaterra
Palestrou na Expo Nacional Milset Fortaleza
Palestrou na Cientec UFRN
Único Brasileiro Selecionado para o Fórum de Jovens Pesquisadores de Bogotá Colômbia
Convocado pela ONU para discursar no programa Diplomacia Civil no Cazaquistão ( não foi por falta de apoio )câmara 11anos