Turismo ecológico e sustentável é a primeira opção dos brasileiros

Apesar dos pesares, a pandemia tem ensinado muito o ser humano e reconectar-se consigo mesmo e com a natureza e entender que menos é mais. Daqui nada levamos a não ser aquilo que bem vivemos, nossas vivências, amigos, recordações. A exemplo disso, mais uma pesquisa realizada pela Booking com mais de 29 mil viajantes, em 30 países, revelou que 78% dos brasileiros querem fazer mais viagens sustentáveis. Muitos já estão fazendo desde quando os destinos (rede hoteleira) foram abrindo suas portas. As informações são do jornalista Jefferson Severino, do Portal Turismo Online.

O Brasil é o terceiro país que mais acredita que as pessoas precisam agir agora para salvar o planeta para as gerações futuras (85%), atrás apenas do Quênia (88%) e da Tailândia (87%). Dentre os brasileiros que responderam à pesquisa, quase metade (47%) admitiu que a pandemia mudou sua postura e fez com que colocassem em prática mudanças positivas no dia a dia. Em casa, por exemplo, passou a ser prioridade para essas pessoas reciclar o lixo (53%) e reduzir o desperdício de comida (50%).

Além disso, a pesquisa mostrou que o comprometimento com a sustentabilidade na vida cotidiana está em sintonia com a maneira que as pessoas pretendem viajar a partir de já. Neste sentido, os brasileiros são a segunda nacionalidade que mais quer reduzir o desperdício, de maneira geral (91%), empatados com os croatas e atrás apenas dos tailandeses (94%). Para isso, nove em cada 10 viajantes do país (89%) pretendem reduzir seu consumo de energia e 85% querem usar meios de transporte mais ecológicos, como transporte público e bicicletas, em vez de táxis ou carros alugados.bg